DICIONÁRIO DE INGLÊS
  • São mais de 33 mil verbertes;
  • Inglês / Português;
  • Português / Inglês;
  • Permite adicionar novas palavras;
  • Link para diversos dicionários.
Clique aqui para baixar!
 
   
Voltar à página principal... Saiba com é o nosso curso.Perfil dos nossos alunos Entre em contato com nossa equipe Artigos e Notícias publicados pela mídia em geral Faça sua matrícula agora

Chegamos aos
3.950 alunos

Saiba mais >>

 
Esqueci a Senha
Convide um amigo para conhecer nosso site.
Você pode ganhar uma mensalidade GRÁTIS!
 
  Você
Nome:
E-mail
   
  Seu Amigo
Nome:
E-mail:
 
 
 
Voltar
Dicionário inglês-inglês: você pode e deve usá-lo
Você já notou que um dos conteúdos mais difíceis quando aprendemos inglês é o emprego de preposições? Para a grande maioria dos alunos, saber usá-las é tarefa muito mais árdua do que utilizar corretamente os tempos verbais.

O que torna esse conteúdo difícil é que o uso de preposições, geralmente, não é obedece a regras. Podemos tentar usar de algumas estratégias para memorizar quando usamos in, at, to, for, over, etc. Mas, podemos recorrer a um procedimento muito mais confiável e mais profícuo que decorar regras: consultar o dicionário inglês-inglês.

Uso das preposições
Um dos grandes problemas enfrentados pelos alunos no que se refere ao emprego correto das preposições é saber se um verbo é regido por alguma delas. Pensemos, por exemplo, no verbo to apply. Se eu quiser escrever ou dizer em inglês que me candidatei a um emprego hoje, tenho que usar preposição? Em caso afirmativo, qual preposição devo usar?

Consultemos, então, o dicionário "Dictionary of English Language and Culture", da Editora Longman.

apply: v 1 (to, for) to request something, esp. officially and in writing: I applied for the job today. | We've applied to the council for a home improvement grant.

Observe que depois da palavra apply, temos a indicação de que é um verbo (v) e, entre parênteses, vemos as preposições que devemos usar quando o verbo to apply tiver esse sentido. As preposições para esse caso são to ou for. Lembre-se de que há outros sentidos possíveis (apenas reproduzimos parte do verbete) e de que o uso das preposições pode ser diferente quando o sentido mudar.

Uma dica do dicionário
Analisemos o verbete um pouco melhor para descobrirmos se podemos usar qualquer uma das duas preposições to ou for indiscriminadamente. Note que os exemplos é que trazem essa informação. Em "I applied for the job today", quer dizer, quando o verbo to apply significa 'requisitar, solicitar algo', devemos usar for. No entanto, quando esse verbo significar 'requisitar, solicitar algo a alguém', como acontece em "We've applied to the council for a home improvement grant", então usamos to e, depois, for.

Fonte de informação
Veja que o seu dicionário pode ser uma verdadeira fonte de informação. Lembre-se, de que nossa memória não consegue guardar tudo que aprendemos da noite para o dia e, portanto, teremos que realizar pesquisas todas as vezes que tivermos dúvidas. Muito provavelmente, depois de uma série de pesquisas, quando já conseguimos atribuir sentido ao que estudamos, quando estabelecemos relações entre os conteúdos estudados, nossa memória é capaz de reter essa informação.

Agora que você já aprendeu que o verbo to apply é regido pelas preposições to ou for, veja o que ocorre com o verbo to listen.

Celina Bruniera é mestre em sociologia da educação pela USP e assessora educacional para a área de linguagem.
Fonte:

Especial para a Página 3 - Pedagogia & Comunicação
Celina Bruniera é mestre em Sociologia da Educação pela USP e assessora educacional para a área de linguagem.
05/01/2012 - O inglês que o mundo vai falar
   Quase todo dia você ouve alguém acender o sinal vermelho. Falar inglês é fundamental, sem ele ninguém vai conseguir boas oportunidades profissionais etc…


01/01/2012 - Estudo de idioma pede muita leitura
    Negligenciada por muitos, um bloqueio para outros, a prova de língua estrangeira dos vestibulares pode ser a diferença entre ser aprovado ou não


25/12/2011 - Vocabulário deve ser aprimorado
   Para quem ainda está inseguro com a prova de inglês, a saída até o início dos vestibulares é a dedicação regular.


20/12/2011 - Apostando no ensino a distância
   Vez ou outra sou convidado a participar de uma conferência pela web. Geralmente para apresentação de algum novo produto.


10/12/2011 - To be or not to be?
   Com quatro horas de inglês semanais, João já consegue se comunicar.


30/11/2011 - Leitor deve ter papel ativo para a leitura ser interativa
   Ao lermos um texto escrito, o sucesso de nossa leitura se dá na medida em que procuramos estabelecer uma interação com o autor.


20/11/2011 - Dicionário inglês-inglês: você pode e deve usá-lo
   Você já notou que um dos conteúdos mais difíceis quando aprendemos inglês é o emprego de preposições?


10/11/2011 - Normas gramaticais
   Elas não são um bicho de sete cabeças


Índice completo..
by: WEBCONN